MORADORES EM SITUAÇÃO DE RUA SERÃO VACINADOS CONTRA A COVID-19 COM DOSES DA JANSSEN

O IMUNIZANTE É APLICADO EM DOSE ÚNICA

O Comitê POP Rua, criado em 2019 pelo Decreto Municipal nº 193 em consonância com o Decreto nº 7053/2009 , que institui a Política Nacional para a População em Situação de Rua e seu Comitê Intersetorial de Acompanhamento e Monitoramento, realizou na última semana a primeira reunião com a participação dos representantes  da sociedade civil, governamentais  e dos usuários.

A pauta principal da reunião foi a vacinação contra a COVID-19 e também contra a gripe para os 250 moradores em situação de rua, ação prevista no Plano São Paulo. Também foram abordadas questões relacionadas ao trabalho, empregabilidade, formação e funcionamentos dos serviços. Uma das metas é a elaboração de um Plano Municipal de Políticas para a População em Situação de Rua, com implicação das diferentes políticas públicas e a ações da sociedade civil.

Para as próximas pautas de trabalho serão abordadas ações de zeladoria a serem executadas, acompanhamento da vacinação e moradia para essa população, entre outras questões. “Neste momento solicitamos que sejam reservadas para esse público a vacina da Janssen, já que esse imunizante é dose única. Consideramos relevante a aplicação dessa vacina específica, pois agiliza o processo de imunização, não sendo necessário o retorno para a segunda dose”, justifica Glaziela Solfa Marques, secretária de Cidadania e Assistência Social

O Comitê vem tendo papel fundamental no monitoramento dos Planos de Contingências elaborados para o enfrentamento da Pandemia do COVID-19. A política pública de assistência social tem papel articulador das demais políticas para o atendimento da população em situação de rua”, garante Ana Dellapina, assistente social e supervisora do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP).

A diretora de Vigilância em Saúde, Crislaine Mestre, confirmou que o município vai receber doses da vacina Janssen e que parte desse lote será reservado para a imunização da população em situação de rua. “Vamos montar um esquema especial juntamente com a Secretaria de Cidadania e Assistência Social e o Centro POP para que essas pessoas sejam imunizadas em dose única. As demais doses serão direcionadas para a faixa etária que estiver sendo vacinada”, confirmou a diretora.

Também participaram da reunião representantes das secretarias de Saúde, Habitação e Desenvolvimento Urbano, Infância e Juventude, Trabalho, Emprego e Renda, Cidadania e Assistência Social, e representantes da sociedade civil como Pão Fraterno, Varal do Bem, Coletivo Livre de Redução de Danos e Comunidade Divina Misericórdia.

COMUNICADO PROCON SÃO CARLOS

O Departamento de Defesa do Consumidor (PROCON SÃO CARLOS) comunica que determinou o fechamento da sua sede

para que seja realizado a higienização já que um menor aprendiz testou positivo para COVID-19.

O atendimento por agendamento seguirá suspenso até que os demais servidores

do Departamento também sejam testados.

Os canais do Procon São Carlos são os seguintes: 3419-4510 (telefone e WhatsApp) e http://procon.saocarlos.sp.gov.br.

INFORMATIVO ECONÔMICO ACISC – 22 DE JUNHO DE 2021

Por Núcleo de Economia da ACISC

A oferta Agregada e o Número de Empresas no Brasil, Estado e São Carlos

A oferta agregada compreende o esforço produtivo realizado por empresas e trabalhadores para gerar bens e serviços e rendimentos. Os rendimentos são classificados como salários, lucros, juros, renda da terra e arrendamentos.

O total de rendimentos agregados constitui-se na Renda Nacional, quando a medida é feita para todo o território brasileiro. Dessa forma, a contrapartida da Renda Nacional é o Produto Interno Bruto, tão importante para traduzir o que acontece em termos de crescimento com uma economia.

Uma medida conjuntural importante para o País, Estados e Municípios é o número total de empresas ativas que demandam trabalho. Esse número é alterado mensamente pela criação e fechamento de negócios.

A abertura e o fechamento de negócios são determinados por forças de mercado, microeconômicas relativas à concorrência entre produtos e serviços nacionais e estrangeiros. Há também motivos idiossincráticos, regionais e organizacionais. Dessa forma, o acompanhamento do número de abertura e fechamento ganha maior validade ao longo dos meses do ano e entre um período de anos.

Neste momento, dedica-se a reunir informações de criação e fechamento de atividades nos anos de 2020 e 2021 para o Brasil, Estado de São Paulo e a cidade de São Carlos. A Tabela 1 traz os registros para o Brasil e o Estado Paulista.

Observa-se que o número total de empresas no Brasil quanto no Estado de São Paulo diminui entre o primeiro quadrimestre de 2020 e o primeiro quadrimestre de 2021. No primeiro quadrimestre de 2021, o país registrou menos 1.493.160 empresas do que no primeiro quadrimestre de 2020.

O Estado de São Paulo registrou menos 306.816 empresas no primeiro quadrimestre de 2021 em relação o mesmo período do ano passado. Esse movimento foi geral e comum entre os Estados brasileiros.

A cidade de São Carlos apresentou, segundo os dados do Ministério, um total de 31.564 empresas para o presente. O Ministério apresenta o mesmo número de empresas ativas para São Carlos em anos anteriores.

Para evitar estimativas, preferiu-se apontar um aspecto marcante para a cidade, que se comportou diferente do Estado e do Brasil: o saldo de empresas criadas no primeiro quadrimestre de 2020 foi de 1.261 empresas. Neste ano, também no primeiro quadrimestre, foram criadas um número maior, ou seja, 1.824 empresas.

A capacidade de produzir, ou seja, a oferta agregada da cidade aumentou nestes primeiros cinco meses do ano, o que permite ter expectativas positivas para o segundo semestre de 2021. A criação de novas empresas adaptadas à situação é uma condição importante para os negócios locais e regionais.

CONSELHO DA MULHER EMPREENDEDORA PROMOVERÁ PALESTRA ONLINE

O Conselho da Mulher Empreendedora da ACISC (CME) convida para o encontro com Tabatha Moraes, que ministrará a palestra: “Empreendedora Digital”, no dia 25 de junho por meio de uma plataforma online, das 8h às 9h30.  As são vagas limitadas.

Os temas abordados serão: a importância de ser autêntica na criação de sua marca pessoal; como identificar e definir o seu cliente ideal; atraindo e engajando pessoas ao seu perfil e a alto TICKET, como criar o desejo em seus seguidores de tornar-se cliente e enxergar valor em sua marca pessoal.

Conheça a palestrante

Tabatha Moraes é empreendedora, mentora de mulheres que querem prosperar no digital. Especialista em criação de comunidades online fundou em 2014 a Rede Mulheres Que Decidem.

Ganhou o prêmio Women Of Decade na Índia, palestrou em Portugal no Women Of Windows Conference e hoje se dedica ao programa de aceleração de negócios online “Mentoria Power Action” onde ensina empreendedoras a transformar o seu perfil no Instagram em uma marca Pessoal lucrativa.

MURPHY JÁ PARTICIPA DAS OPERAÇÕES DO CANIL DA GUARDA MUNICIPAL

O labrador foi treinado por dois anos e agora participa das operações de patrulhamento e apreensão de drogas

O labrador Murphy, de 2 anos, depois de passar 24 meses por treinamento especializado no Canil da Guarda Municipal de São Carlos, iniciou neste mês a sua função de cão farejador. Na primeira operação que participou, no dia 17 de junho, na Praça Sérgio Luiz Rocha, localizada na rua Procópio de Toledo Malta, no bairro São Carlos I, juntamente com a equipe de patrulhamento do Canil, localizou uma sacola que estava no mato com 04 eppendorfs de cocaína, 39 porções de maconha e 10 com pedras de crack, além de 1 celular.

O filhote de labrador chegou em 2019 a corporação e foi doada pelo vereador Roselei Françoso, atual presidente da Câmara Municipal e teve o nome escolhido pela população de São Carlos em votação realizada nas redes sociais da Prefeitura de São Carlos.

A Guarda Municipal iniciou o treinamento do novo integrante do Canil da corporação em 2019 com odores de entorpecentes. “Os cães conseguem decifrar mais de 7 tipos de odores. Vamos introduzindo aos poucos, os três principais. Começamos com os potinhos e recompensas. Depois substituímos por pacotes, depois caixas e finalmente para ambientes variados”, explicou o Guarda Municipal, Luiz Carlos Ambrozini, treinador do labrador e líder de equipe.

Antes do treino específico para achar drogas, os animais passam por um “cursinho” de socialização e comandos básicos, como responder ao chamado do agente e sentar-se. Isso é feito, entre outras coisas, para que eles não ataquem as pessoas nas ruas quando estiverem nas operações de apreensão de drogas.

De acordo com o comandante da Guarda Municipal, Michael Yabuki, o Canil está com 6 cachorros, sendo que 4 já estão em campo, outros dois ainda passam por treinamento.  As raças são labrador, pastor holandês e belga malinois. “Treinamos os animais somente com o odor da substância. Eles não têm contato nenhum, até porque a droga vem sempre embalada. O cão se guia pelo odor e nunca precisa encostar o nariz ou chegar muito perto porque já consegue sentir de longe. Para o cachorro, é como uma grande brincadeira. Sempre que reconhece alguma substância, ele ganha uma recompensa. Todo cão trabalha por condicionamento”, explica Yabuki.

“Com a ajuda dos agentes do canil, a Guarda Municipal, em parceria com a Polícia Militar e com a Polícia Civil, participa de operações, sendo que essas ações resultam sempre na apreensão de drogas. Por isso fortalecemos o Canil da GM. Os animais são treinados por agentes envolvidos no adestramento que participaram de cursos de capacitação para treinamento específico de cães farejadores, de patrulhamento e proteção”, ressalta o secretário de Segurança Pública, Samir Gardini, elogiando o trabalho dos agentes.

O Canil da GM conta hoje com a cachorra Kyara, ela faz parte da equipe da GM desde o início do trabalho com cães farejadores, campeã na localização de entorpecentes; com as fêmeas Naja e Índia e o labrador Murphy. Bolt (filhote) e Rank ainda passam por treinamento.

 

NOVO REFIS: PARCELAMENTO PODERÁ SER FEITO EM 24 MESES

A Prefeitura de São Carlos encaminhou à Câmara Municipal, que aprovou (com emenda substitutiva), um novo projeto de lei que dispõe sobre a instituição do Programa de Recuperação Fiscal (REFIS), que possibilita que o contribuinte inadimplente regularize seus débitos fiscais junto aos cofres da Prefeitura, com remissão de multas e juros. O projeto será aplicado a todos os impostos municipais, incluindo o Sistema Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) e a Fundação Educacional São Carlos (FESC).

De acordo com o projeto aprovado, o poder executivo poderá receber todos os créditos tributários ou não tributários, inscritos ou não em dívida ativa, ajuizados ou não, mediante pagamento à vista ou em até 24 parcelas mensais consecutivas.

No caso do pagamento à vista o contribuinte poderá ter desconto de até 100% das multas e juros de mora. Se parcelar em 6 vezes o desconto será de 90% e de 80% para o pagamento em 24 parcelas.

O não recolhimento da primeira parcela implicará em indeferimento ao Refis. Os valores das parcelas não poderão ser inferiores a R$ 30 para pessoas físicas e R$ 60 para jurídicas. Os débitos referentes ao exercício de 2021 somente poderão ser quitados à vista.

Se o contribuinte descumprir três parcelas consecutivas ou seis alternadas, perde o benefício. Quem aderiu ao Refis anterior, pode fazê-lo novamente, desde que reconheça a dívida originalmente confessada, com os descontos das parcelas quitadas.

De acordo com o secretário de Fazenda, Mário Luiz Duarte Antunes, a expectativa é obter uma arrecadação de até R$ 15 milhões com o pagamento à vista do novo Refis. “Com o pagamento das parcelas poderemos estimar uma negociação de até R$ 50 milhões”.

O secretário disse, ainda, que em virtude da pandemia a adesão será realizada 100% online. “A partir de 1º de julho os contribuintes poderão aderir ao Refis 2021 somente clicando no link que vamos disponibilizar a partir desta data no site da Prefeitura de São Carlos. O prazo vai até o dia 29 de outubro, ou seja, são 120 dias para fazer a adesão”, finaliza Mário Luiz Duarte Antunes.

Hoje o estoque da dívida ativa ajuizado da Prefeitura de São Carlos é de R$ 500 milhões, sendo que a inadimplência real de débitos dos impostos com o município gira em torno de R$ 250 milhões.

No último Refis, lançado em 2019, o município recebeu a adesão de R$ 17,5 milhões com o pagamento à vista e R$ 20 milhões divididos em 12 parcelas.

SÃO CARLOS VAI RECEBER R$ 500 MIL DE EMENDA PARLAMENTAR DESTINADA PELO DEPUTADO MARCOS PEREIRA

Os recursos foram solicitados pelo vereador Elton Carvalho

O prefeito Airton Garcia participou nesta terça-feira (22/06), de uma reunião virtual com o deputado federal Marcos Pereira (Republicanos), com o vereador Elton Carvalho e demais integrantes das equipes tanto do deputado como do vereador, para agradecer a emenda destinada para São Carlos no valor de R$ 500 mil.

 

Os recursos foram solicitados pelo vereador Elton Carvalho e serão destinados para a realização de cirurgias eletivas. “Nossa intenção é beneficiar muitas pessoas que hoje aguardam cirurgias ginecológicas, ortopédicas, de urologia ou proctologia. Sempre realizados um trabalho e acompanhamos o Departamento de Regulação, por isso sabemos da necessidade de recursos para viabilizar esses procedimentos cirúrgicos”, explicou o vereador de São Carlos.

 

O prefeito agradeceu o apoio do vereador Elton Carvalho e do deputado pela liberação da emenda. “A capacidade de investimento dos municípios é pequena, com a pandemia isso está mais difícil ainda, por isso as emendas ajudam muito. Para a saúde é mais importante ainda, já que mesmo investindo muito nessa área, sempre falta alguma coisa. Com certeza esses recursos vão ajudar muitas pessoas que precisam de intervenção cirúrgica de pequeno porte e que com a paralização destes procedimentos devido a pandemia, esperam já faz tempo. Em nome da população venho publicamente fazer este agradecimento”, finalizou Airton Garcia.

NÚMEROS DA CAMPANHA NACIONAL DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE (INFLUENZA 2021) EM SÃO CARLOS

 

 

 

 

 

 

 

Doses aplicadas: 40.913

Cobertura vacinal: 38,2%

 

Doses aplicadas por grupo:

Crianças: 8.386 doses

Trabalhadores saúde: 6.642

Trabalhadores educação: 1.684

Caminhoneiros: 61

Forças armadas: 13

Forças de segurança: 79

Funcionários sistema prisional: 3

População privada de liberdade: 37

Gestantes: 1.054

Puérperas: 273

Idosos: 19.986

Trabalhadores transporte: 29

Indígenas: 57

Outros grupos comorbidades: 2.609

PREFEITO PARTICIPA DA INAUGURAÇÃO DO CENTRO DE ATENDIMENTO AO AUTISTA DA APAE SÃO CARLOS

O Prefeito Airton Garcia, acompanhado das secretárias de Cidadania e Assistência Social, Glaziela Solfa Marques, da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, Lucinha Garcia e do vereador Robertinho Mori, participou na manhã desta segunda-feira (07/06), da inauguração do Centro de Atendimento ao Autista da APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), local onde agora poderão ser atendidas até 150 crianças com autismo.

Denominado Centro de Atendimento ao Autismo “Odalete Natalina Martins Piva” o local conta com uma equipe multiprofissional como psicólogos, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos, educadores físicos, entre outros.

Segundo a gerente da APAE a procura por atendimento é grande. O novo módulo do autista vai proporcionar o desenvolvimento das atividades em uma estrutura ampla e com o número maior de pessoas que precisam desse atendimento. No total atendemos mais de 600 pessoas com deficiência intelectual na instituição e outras 390 em atendimentos específicos, por isso sempre a necessidade de ampliação dos serviços”, explicou Cristina Schiabel.

O prédio foi construído com recursos de emenda parlamentar do vereador Robertinho Mori no valor de R$ 347.950,00. “Atualmente a APAE conta com uma ampla estrutura da qual tenho a honra de ter contribuído com R$ 1.150.000,00, sendo que desse valor mais de R$ 911 mil foram repassados entre 2017 e 2021, portanto no governo do prefeito Airton Garcia. Com esses recursos foi possível a construção do módulo II e III do Centro de Atendimento ao Autista, a ampliação da Unidade de Cuidados Diários, além da quadra poliesportiva e cobertura dos vestiários masculino e feminino, espaço para preparo físico e construção da arquibancada”, elencou o vereador.

“Eu conheço o trabalho realizado pela entidade. Sei que todo recurso é usado para melhorar, ainda mais, o atendimento oferecido aos deficientes. Tudo que for possível vamos fazer para continuar ajudando essa entidade que garante os direitos fundamentais de cidadania das pessoas com deficiência. A APAE realiza um trabalho de excelência”, disse o prefeito Airton Garcia.

A APAE São Carlos atende pessoas com deficiência intelectual, múltipla, com atraso no desenvolvimento neuropsicomotor e com transtorno do espectro do autismo. Hoje são 630 alunos. A entidade tem convênio com várias instituições e também recebe doações. Atualmente conta com uma infraestrutura para fazer atendimento e diagnóstico, atendimento educacional, semi-internato, inclusão no mercado de trabalho e na escola regular.

PREFEITURA ABRE CHAMAMENTO PÚBLICO PARA TOTENS DO CAMINHO DA FÉ

A Prefeitura de São Carlos, por meio do Departamento de Fomento ao Turismo, lançou um chamamento público (01/2021), para pessoas físicas e jurídicas que desejam fazer doação de 15 totens de identificação em vias públicas e rurais que irão demarcar o caminho oficial da fé no município saindo da Catedral até o Santuário de Aparecidinha da Babilônia.

Serão 15 totens colocados a cada 1 quilometro, essas peças terão o formato do manto de Nossa Senhora Aparecida e com a via-sacra estampada no mesmo.

As pessoas ou empresas que desejarem adquirir um totem deverão entrar em contado com o Departamento de Fomento ao Turismo de 07 a 28 de junho, através do e-mail turismo@saocarlos.sp.gov.br para maiores informações.

O diretor de turismo da Prefeitura Municipal, Rickoff Aidar, afirmou que esse é um desejo antigo dos fiéis que fazem o Caminho da Fé, não apenas no feriado de 15 de agosto, Dia de Nossa Senhora Aparecida da Babilônia. “Muitas pessoas fazem esse caminho em vários períodos do ano e por isso nada mais justo do que demarcarmos o lugar.  Iremos sair com os totens da Catedral que é o marco 1 até a chegada no Santuário. As pessoas que desejarem adquirir as peças poderão expor suas marcas em contrapartida, esse é o primeiro de muitos projetos que estamos elaborando no Departamento de Turismo e vamos trabalhar bastante com este setor na área rural e religiosa em São Carlos”, afirmou Rickoff Aidar.