Padre Robson Caramano vence a Covid-19 e fala em aprendizado

Pároco não precisou ser hospitalizado e ressaltou a importância de cuidar também da saúde mental neste período de isolamento

Após catorze dias e sem necessidade de hospitalização, o padre Robson Caramano, de São Carlos (SP), foi um dos muitos que venceu a Covid-19. Nas redes sociais, ele desabafou sobre seus sintomas e citou um “período de aprendizado”.

O pároco retornou às atividades nesta semana e relatou que teve apenas sintomas leves e controlados da doença, permanecendo em isolamento em sua residência na companhia de suas plantas e de seu cachorro, o Simba.

Para Caramano, que é pároco da Paróquia São Nicolau de Flüe e diretor de Comunicação da Diocese, a saúde mental mereceu muitos cuidados neste período, uma situação que também chama atenção para a solidariedade com o próximo.

“A questão psicológica, depois da questão respiratória, é uma das situações que se requer muito cuidado. Se você tem algum amigo em isolamento, fale com ele todos os dias, dê opções de coisas para ele fazer [porque a gente não consegue pensar muito bem não], seja essa presença mesmo estando ausente”, escreveu.

Entre todas as lições que aprendeu, padre Robson compartilhou uma reflexão que lhe veio à tona nestes últimos 14 dias de afastamento e pausa de suas atividades do cotidiano.

“O Covid me ensinou uma coisa: a vida não precisa de tanta pressa, uma hora, pronto, você tem que parar tudo, mas o mundo não para porque você parou. O que nos prova que ninguém é insubstituível e, bem por isso, a gente tem que saber estabelecer limite. Viver mais é sobre viver bem”, disse.

O pároco ainda agradeceu pelo carinho de seus fiéis, familiares e amigos e pediu para que todos sigam juntos no combate ao coronavírus, “levando paz, fé e coragem”.

FONTE: ACidadeON/São Carlos