PLANO DE MOBILIDADE URBANA DE SÃO CARLOS DEVE SER FINALIZADO EM SETEMBRO

O coordenador de projetos da Fundação Getulio Vargas (FGV), professor Manoel de Andrade e Silva Reis, apresentou na manhã desta sexta-feira (11/03), no auditório do Paço Municipal, para o prefeito Airton Garcia e representantes de entidades e associações, o trabalho da metodologia que será utilizada para a elaboração do Plano de Mobilidade Urbana de São Carlos.

 

Manoel de Andrade e Silva Reis apresentou as cinco etapas do plano que incluem o reconhecimento do município; definição de prioridades, objetivos e metas; detalhamento do plano de trabalho; elaboração do plano de mobilidade e aprovação do plano.

 

“Estamos na fase de entendimento sobre a mobilidade urbana e identificação de formadores de opinião e grupo de interesses, considerando visões políticas, econômicas e sociais. Também já definimos um plano de comunicação visando a transparência e engajamento da população durante todo o processo de desenvolvimento do Plano”, explicou o Coordenador da FGV, garantindo que as cinco etapas devem ser concluídas até o final de setembro.

 

O coordenador ressaltou que o prazo estipulado pelo Governo Federal para finalização do Plano é abril de 2023. “São Carlos está dentro do prazo para que tenha a compreensão da sua realidade e as necessidades desta área”.

 

Já o representante da Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de São Carlos (AEASC), engenheiro Douglas Barreto, falou sobre os benefícios que irão ser oferecidos à população com a implementação do Plano de Mobilidade. “Acessibilidade, sustentabilidade, segurança, qualidade no deslocamento, além da melhoria da mobilidade das pessoas. A cidade que quer incorporar um deslocamento saudável e sustentável, precisa de um plano de mobilidade. Vamos participar de todas as etapas e a comunidade em geral também poderá participar das três audiências públicas e opinar pelo site”, finalizou o diretor da AEASC.

 

Segundo o secretário de Transporte e Trânsito, Paulo Luciano, o município já dispõe de um banco de dados. “Agora vamos iniciar a segunda etapa quando serão coletadas sugestões, através de entrevistas com os principais formadores de opinião do município. Os resultados servirão de base para a elaboração das prioridades, objetivos e metas que nortearão o Plano de Mobilidade Urbana de São Carlos. Depois já iniciaremos a pesquisa de origem e destino que será feita por meio das antenas de celulares. Na sequência serão estudados todos os modais de transporte que existem na cidade”, garantiu o secretário.

 

“Vamos seguir as diretrizes da Política Nacional de Mobilidade Urbana, sempre buscando articular os sistemas disponíveis de transporte. Vamos tornar eficaz a implementação para melhor atender as pessoas”, argumentou o prefeito Airton Garcia.

 

Finalizando a apresentação do Plano, o secretário de Comunicação, Mateus de Aquino, explicou como vai funcionar o site do PlanMob/SC. “O sucesso do plano depende do engajamento da sociedade e para que todos entendam a metodologia do plano desenvolvemos um site com linguagem popular, onde todos podem interagir e opinar. É um site muito importante e que vai disponibilizar todas as etapas do Plano de Mobilidade Urbana de São Carlos”.

 

Para acompanhar a elaboração do plano basta a acessar o site http://mobilidadeurbana.saocarlos.sp.gov.br/.