SMTER ENTREGA, NESTA TERÇA-FEIRA, OS CERTIFICADOS DO CURSO DE ANALISTA DE REDES SOCIAIS

A Secretaria Municipal de Trabalho, Emprego e Renda (SMTER) informa que serão entregues de forma virtual, na terça-feira (17), às 19h, o certificado de conclusão da primeira turma de alunos do curso de Analista de Redes Sociais, realizado virtualmente através da Plataforma ZOOM de 25 de agosto a 29 de outubro.

Ministrado pela Professora Karina Olívio de Souza o curso teve carga horária de 50 horas e ofereceu 20 oportunidades de qualificação on line totalmente gratuita.

O Secretário Municipal de Trabalho, Emprego e Renda Walcinyr Bragatto explicou que devido ao período de Pandemia do Covid-19, o curso não teve encontros presenciais e foi ministrado no ambiente virtual. “Diante da impossibilidade de manter a qualificação presencial buscamos alternativas de adaptação da capacitação profissional dos alunos para o formato virtual, garantindo que novas pessoas pudessem ter a oportunidade de se qualificarem para as exigências do mercado de trabalho”, ressaltou Bragatto.

Para a aluna Junia Clara Castro a experiência do curso de analista de redes sociais, ou melhor, a jornada foi incrível. “A professora, super competente, nos passou o conteúdo de forma fácil e leve, auxiliando o aprendizado. Um curso que abriu horizontes, através de um despertar para o novo. Gratidão à Karina Olivio e à Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda da Prefeitura Municipal de São Carlos”, relatou.

Camila Peixoto Coelho definiu o curso como um propósito que mesmo no meio de uma pandemia agregou conhecimento. “Você ter a oportunidade de agregar no seu currículo um curso que está em crescimento no mundo é muito gratificante. Eu já tinha um certo conhecimento em Instagram, porém muitas coisas aprendi, como aplicativos , filtros, gifs, engajamento. Posso dizer que sinto muito orgulho da cidade de São Carlos, por sempre incentivar os estudos para população”, comemorou .

A aluna Aline Cristina Gomes de Andrade disse ter “muito orgulho de ter participado dessa ação da Prefeitura que em meio a uma pandemia, teve a iniciativa de prover na cidade um curso de alta qualidade, visando formar profissionais para uma profissão em crescimento. O sentimento é de gratidão, hoje tenho certeza que fiz uma ótima escolha, pois vou seguir nessa caminhada e nesse novo mundo de possibilidades que me foi apresentado”, disse.

Já a aluna Mariana Santos da Silva destacou que o curso foi importante para todos, uma jornada incrível, que abriu portas e deu espaço para novos pensamentos. “Não só acrescentamos conhecimento, como dividimos experiências e assim criamos laços,  saímos melhores do que entramos e percebemos que o curso foi além das aulas”, observou.

Janaina Gomes Rosa resumiu o sentimento com a palavra gratidão. “Temos gratidão, em agradecimento a Prefeitura Municipal de São Carlos, a nossa mentora Karina Olivio, pelos ensinamentos que foi passado dessa profissão do presente futuro. Obrigada a todos os envolvidos nesse projeto”, agradeceu.

Daiane de Oliveira Luiz agradeceu a oportunidade de participar de um curso que foi “um divisor de água na minha vida, pela importância do crescimento profissional e pessoal também, mesmo em um ano atípico. São amigos que levo para o resto da vida e fazem parte da minha história. Fica meu carinho e agradecimento a todos”, concluiu.

Por fim, a aluna Silmara Aparecida Marim deixou seu sentimento de gratidão à professora Karina “professora minha gratidão a você e a Prefeitura de São Carlos por ter proporcionado esse curso incrível. Sucesso a todos”, desejou.

 

PRAÇA DOS COQUEIROS É REVITALIZADA E AMPLIADA PELA INICIATIVA PRIVADA

A Construtora ADN em contrapartida ao empreendimento Flor de Liz, entregou nesta quinta-feira (12/11) para a Prefeitura de São Carlos a reforma e ampliação da Praça dos Coqueiros, localizada no São Carlos III.

A partir de agora os moradores do bairro e adjacências poderão desfrutar do 1º café com leitura, já que no local foi montada uma biblioteca com cantina. Para o município essas melhorias e ampliações saíram a custo zero, já que entraram na contrapartida.

A contrapartida foi de R$ 400 mil e o local será administrado pela ONG Formiga Verde, por meio de um termo de cessão de uso.

No local também foram instalados 10 mesas com 30 bancos, brinquedos variados para a criançada, academia ao ar livre para que adultos e idosos possam se exercitar, novo paisagismo em toda a área, além da biblioteca e cantina.

INSCRIÇÕES PARA OS CENTROS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO INFANTIL TEM INÍCIO NESTA QUINTA-FEIRA

As inscrições são para alunos que ainda não frequentam a Rede Municipal de Ensino e para aqueles que querem transferência de unidade escolar

A Secretaria Municipal de Educação informa que a partir desta quinta-feira, dia 12 de novembro, têm início as inscrições, somente via internet, para alunos que ainda não frequentam a Rede Municipal de Ensino e que pretendem estudar nos Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEIS) e para aqueles que já estão na rede, porém querem transferência de unidade escolar.

Para a educação infantil, faixa etária de 0 a 5 anos, o município disponibiliza neste momento 477 vagas para novos alunos distribuídas nos 49 Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEIS).

As inscrições e pedidos de transferência poderão ser feitas via WhatsApp (somente mensagens) pelos telefones (16) 99242-2956, 99464-6974, 99416-4790, 99413-6199, pelo e-mail  centraldevagassmesc@gmail.com ou pelo formulário https://forms.gle/Z5JfQ1KZPMntocwr9.

EMEBS – Já para ingressar em uma das 10 Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBS) as inscrições poderão ser feitas somente a partir 05 de janeiro de 2021. Para o ensino fundamental, que atende crianças e jovens na faixa etária de 6 a 14 anos, a Prefeitura de São Carlos disponibiliza 733 vagas.

 

PROCON SÃO CARLOS REALIZA AUDIÊNCIA POR VIDEOCONFERÊNCIA

O PROCON São Carlos, órgão vinculado a Secretaria Municipal de Governo, iniciou nesta sexta-feira (06/11), a realização de audiências por meio de videoconferências.

A audiência foi realizada por meio do aplicativo Microsoft Teans e contou com a presença do conciliador, consumidor e fornecedor.  O órgão planeja realizar a partir de agora seis audiências, em média, por dia.

A audiência virtual será sempre agendada com antecedência e, aos participantes, será enviado um link para ingresso. As partes poderão acessar a plataforma por celular ou computador, basta ter acesso a internet. O conciliador será o mediador da plataforma.

De acordo com a diretora do PROCON São Carlos, Juliana Cortes, esta nova modalidade de audiência está sendo incorporada por todos os Tribunais na esfera do judiciário, e não poderia ser diferente na esfera administrativa. “Este dia com toda certeza vai ficar para sempre em nossa memória, um momento muito importante para a história do PROCON São Carlos. O nosso PROCON foi um dos primeiros do estado a realizar audiência nesta modalidade. Esperamos viabilizar ao máximo de consumidores esse privilégio de poder resolver seu problema sem sair de casa, e principalmente sem correr riscos, pois ainda estamos vivenciando o distanciamento social”, ressalta a diretora.

O PROCON São Carlos suspendeu a realização das audiências de forma presencial desde o início da pandemia, quando foi publicado o decreto de calamidade pública, acarretando uma alta demanda de solicitações de audiências.

“O consumidor não pode ser prejudicado com todas essas restrições, precisamos como gestores criar alternativas para que o consumidor seja atendido, principalmente neste momento em que o consumidor mais precisa dos serviços do PROCON”, finaliza Juliana Cortes.

O PROCON também está realizando atendimento presencial e de forma remota. O consumidor que precisar agendar o atendimento pode entrar em contato pelo telefone (16) 3419-4510 ou acessar http://servicos.saocarlos.sp.gov.br/agendamentos/agendamentoProcon.php. Caso o consumidor opte em fazer a sua reclamação online pode acessar o site www.procon.sp.gov.br. Em casos de dúvidas o consumidor também pode entrar em contato pelo e-mail  procon@saocarlos.sp.gov.br.

 

(06/11/2020)

SÃO CARLOS ESTREIA HOJE NA LIGA NACIONAL DE FUTSAL FEMININO

A equipe de São Carlos estreia na noite desta sexta-feira (6/11), no Gigantão, em Araraquara, a partir das 19h, contra a equipe de Pirajuí pela Liga Nacional de Futsal Feminino. Participam da competição 16 equipes dos estados de São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e Amazonas.

São Carlos está no Grupo B junto com as equipes de Pirajuí Futsal, Américo Brasiliense Futsal e Ferroviária. Neste sábado (7/11) a disputa será contra a equipe de Américo Brasiliense, a partir das 11h. No domingo (8/11), a partir das 12h, a equipe de São Carlos enfrenta a Ferroviária.

“Em virtude da pandemia do novo coronavírus o sistema de disputa será curto, com jogos na sexta, sábado e domingo. Essa é a segunda edição da Liga e a primeira vez que a equipe de São Carlos participa, já que em março somente disputamos com a equipe Sub-20”, explica Fabiano Lourenço, técnico da equipe.

Todos os atletas da competição, comissão técnica e staff, já foram submetidos aos testes para detectar possível contaminação por COVID-19. As partidas serão transmitidas pelo Facebook ferroviaria/fundesport.

(06/11/2020)

 

SÃO CARLOS / PREFEITURA PEDE CONSCIENTIZAÇÃO NO DIA MUNDIAL DA LIMPEZA

Com o tema “CADA UM NO SEU QUADRADO” em virtude da pandemia do novo coronavírus, neste sábado (19/09), mais uma vez será realizada uma ação mundial para promover a mobilização das pessoas para a limpeza das cidades, bairros praças e parques. A ação simboliza a necessidade de conscientização da sociedade para um problema maior do descarte irregular de resíduos sólidos urbanos.

Esse ano não será possível realizar a ação como nos anos anteriores, ou seja, presencialmente com ajuda de voluntários, por isso as ações abrangem o ambiente domiciliar para a eliminação de criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya, zika e da febre amarela urbana.

O descarte correto dos resíduos sólidos é outra questão de destaque no Dia Mundial da Limpeza.  “O lixo é parte importante da degradação do meio ambiente. Esse tipo de ação é muito importante porque envolve crianças, adultos e mobiliza toda a população. Quanto menos lixo tiver, mais saúde tem a população”, disse o pesquisador e professor José Galizia Tundisi, secretário de Meio Ambiente, Ciência, Tecnologia e Inovação.

O descarte irregular de resíduos traz problemas para a saúde e também para o meio ambiente. Mau cheiro, obstrução das bocas de lobo, proliferação de vetores de doenças, como o Aedes aegypti. “A população precisa ter consciência que todos esses resíduos sólidos podem ser tornar criadouros, temos que evitar a proliferação do mosquito eliminando todos os criadouros. Recipientes plásticos, marmitas, alumínio, enfim tudo que pode juntar água se torna criadouro do mosquito”, alerta Denise Scatolini, chefe da Seção de Apoio à Vigilância em Saúde e Informação da Secretaria de Saúde.

O secretario de Serviços Públicos, Mariel Olmo, pede para que a população ajude na limpeza da cidade, pois esse ano por causa da pandemia não poderá ser realizada uma grande ação de limpeza bairro a bairro. “O Dia Mundial da Limpeza visa conscientizar e orientar a população sobre o descarte correto de resíduos sólidos. Essa ação deve ser contínua. As pessoas devem descartar seus resíduos nos 5 ecopontos da cidade que foram reformados e funcionam com novo sistema, ajudando dessa forma tanto a natureza como a saúde de todos”, afirmou Olmo.

Ecopontos são áreas públicas para a captação de pequenas quantidades de entulho de pequenos geradores. As unidades recebem resíduos de construção civil, os resíduos de móveis, colchões, volumosos, poda de árvore e também, material da coleta seletiva. O descarte permitido é de até um metro cúbico por munícipe, ou seja, o volume que cabe num veículo utilitário pequeno.

Os ecopontos funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h e aos sábados e domingos das 8h às 12h. Denúncias de descarte irregular de resíduos devem ser feitas na ouvidoria pelo telefone 156. Confira os endereços: São Carlos VIII – Rua Capitão Luiz Brandão, 1.847; Jardim Paulistano – Rua Indalécio de Campos Pereira, 1.120; Jardim Ipanema – Rua Renato Talarico Lima Pereira, 299; Cidade Aracy – Avenida Arnoldo Almeida Pires, 1.507 e Jardim Medeiros – Rua Aristodemo Pelegrini, s/nº.

SÃO CARLOS / EIXO SP DOA COBERTORES PARA FUNDO SOCIAL DE SÃO CARLOS

A Eixo SP Concessionária de Rodovias fez a doação de 140 cobertores novos na última terça-feira, dia 18, para o Fundo Social de Solidariedade de São Carlos.  A ação, que também tem apoio da Artesp – Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo, integra a Campanha do Agasalho Inverno Solidário 2020 do Governo do Estado de São Paulo, que tem como objetivo arrecadar cobertores novos.

“Sabemos do nosso papel junto à sociedade que, nesse período de inverno e de pandemia, necessita de toda a colaboração principalmente no apoio às famílias carentes. E nosso objetivo é exatamente este: apoiar as causas sociais e promover o bem estar das comunidades localizadas ao longo das rodovias administradas pela Eixo SP”, disse o diretor presidente da concessionária, Sergio Santillan.

Parte dessa doação será destinada ainda a entidades assistenciais  cadastradas no Fundo Social de Solidariedade de São Carlos, como explicou a presidente do Fundo Social de Solidariedade de São Carlos, Lucinha Garcia: “Com as doações da Eixo SP vamos atender todas as demandas das entidades  com o repasse de cobertores, principalmente nesse momento em que está previsto a entrada de uma frente fria no estado. Agradeço e reforço que o nosso trabalho também depende da colaboração das empresas da nossa cidade”.

Sobre a Eixo SP – A Eixo SP Concessionária de Rodovias administra o lote Pipa (Piracicaba-Panorama), malha com mais de 1.273 km de estradas que passam por 62 municípios da região de Rio Claro, no centro do Estado, até Panorama, no extremo oeste, na divisa com o Mato Grosso do Sul. O maior contrato sob supervisão da Artesp – Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo, terá investimentos na ordem de R$ 14 bilhões em obras de ampliação, conservação, além da modernização de serviços ao usuário. Mais informações acesse: www.eixosp.com.br

SÃO CARLOS / RECAPEAMENTO COMEÇOU EM 2017 E DEVE FECHAR 2020 COM MAIS DE 3.200 QUARTEIRÕES RECUPERADOS

As equipes do serviço de recapeamento começaram na última quarta-feira (19/08) a recuperação das vias do Jardim Itamaraty. Este é mais um dos 27 bairros que serão atendidos na etapa dos R$ 30 milhões, recursos liberados pelo Banco do Brasil para a Prefeitura de São Carlos para o recapeamento de 1.500 quarteirões.

Desde início dos serviços da atual etapa já foram recapeados 375 quarteirões entre o centro da cidade e os bairros Cardinalli, Portal do Sol, Ipanema, Santa Mônica e Vila Pureza, além de trechos da Carlos Botelho, XV de Novembro, rua Jesuíno de Arruda, Padre Teixeira, Treze de Maio e Miguel Petroni.

O serviço de recapeamento começou em 2017 no entorno do Parque do Bicão, um investimento de R$ 465.373,54 com recursos do Governo Federal. Com recursos do próprio município no valor de R$ 2,5 milhões o serviço seguiu para o bairro Cidade Aracy, onde foram recuperados 100 quarteirões na primeira fase. Já numa segunda etapa foram recapeados mais 24 metros quadrados de vias no Aracy, um investimento de R$ 684.540,14 com recursos de emenda parlamentar.

Em 2018 mais recursos foram conquistados para recape. Com investimento de R$ 4 milhões, conquistados a fundo perdido junto ao Governo do Estado, a Prefeitura recuperou mais de 40 quarteirões de vias públicas nos bairros Santa Felícia e Vila Elisabeth. O distrito de Santa Eudóxia também recebeu o serviço em 4.680 metros quadrados de vias do Jardim Itararé, um investimento de R$ 152.028,96, provenientes de emenda parlamentar. Os bairros São João Baptista, Vila Costa do Sol, Jardim Lutfala, Lagoa Serena e mais vias da região central também receberam o serviço, outro investimento de R$ 4.096.860,89.

Com recursos próprios a recuperação de ruas continuou com a aplicação de R$ 4.240.469,52  atendendo nessa etapa vias da Vila São José, Castelo Branco e da região central, como as ruas 7 de Setembro, 9 de Julho, Visconde de Inhaúma, Cezar Ricome, Achile Bassi, Carlos de Camargo Salles, Salomão Dibbo, Luiz de Toledo Pizza e Adolfo Cattanni.

Com recursos próprios a Prefeitura de São Carlos conseguiu recuperar 745 quarteirões entre 2017/2018. Em 2019 o município conseguiu firmar um convênio com a Caixa Econômica Federal, por meio do Programa de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento – FINISA, para recuperar 956 quarteirões, um investimento de R$ 20 milhões. Nesta etapa foram atendidos os seguintes locais da cidade: avenidas Miguel Petroni e João de Guzzi (inteiras), partes do bairro Arnon de Mello, parte do Santa Felícia, Jardim Tortorelli inteiro, Planalto Paraíso; Jardim Paulistano, Jardim Centenário e Nova Estância. Algumas ruas do Jardim Nova Santa Paula. Parte da avenida Trabalhador São-carlense;  avenidas Antônio Blanco e José de Alencar e rua Dr. Eugênio de Andrade Egas; Jardim das Torres, Jardim Botafogo, algumas ruas da Vila Pelicano e Jardim Medeiros, rotatória do Shopping, rotatória do Cristo, avenida Tancredo Neves até a entrada do bairro Botafogo, algumas ruas do Boa Vista, Medeiros e região do SENAI; bairros Jardim Pacaembu, Vila Isabel e Parque Primavera. Algumas ruas e as principais avenidas do Jardim Tangará. As principais avenidas do Jardim Cruzeiro do Sul e do São Rafael. Finalização da avenida Coronel José Augusto de Oliveira Salles e rua Santa Gertrudes. No Antenor Garcia foi feita a finalização da avenida Tetracampeonato, Donato Pedrino, Maria Eugênia Fabiano e Guarindo Baldan.

Em 2020 estão sendo aplicados mais R$ 30 milhões em recape liberados pelo Banco do Brasil. O serviço já foi realizado em 375 quarteirões e no total vai atender 27 bairros, totalizando 1.500 quarteirões nesta etapa.

De acordo com a Secretaria Municipal de Obras Públicas, pasta que coordena os trabalhos e que fiscaliza a qualidade do serviço prestado pelas empresas vencedoras dos processos licitatórios, ainda serão atendidos os seguintes bairros na atual fase: Jardim Medeiros, Jardim Beatriz, Vila Carmem, Boas Vista (1 e 2), Recreio dos Bandeirantes, Jardim Paulista, Jardim Bandeirantes, Acapulco, São Carlos III, Jardim Brasil, Vila Monteiro, Jardim Ricetti, Bicão, Vila Nery, Vila Marina, Jacobucci, Vila São José, Munique, Maria Stella Fagá e trechos da avenida Trabalhador São-carlense, próximo à USP e terminal rodoviário. Recentemente também foi investido R$ 1,8 milhão com recursos próprios no recapeamento do bairro Presidente Collor.

“Começamos timidamente em 2017 em virtude das dívidas que o município tinha. Pagamos mais de R$ 100 milhões em restos a pagar e a cidade também precisava do serviço de tapa-buraco, de limpeza e os recursos eram poucos. Mas devagar conseguimos alguns recursos externos e fomos tocando o serviço. Conseguimos emendas parlamentares, dinheiro com a Desenvolve SP, a fundo perdido com o Governo do Estado e usamos recursos próprios, mas mesmo assim não foi suficiente para recuperar todas as vias que não tinham mais de condições de recuperação somente com tapa-buraco, por isso optamos por essas linhas de crédito oferecidas pela CEF e Banco do Brasil. A nossa intenção é recapear 90% das ruas da cidade até dezembro”, afirma o prefeito Airton Garcia.

Segundo o secretário de Obras Públicas, Reginaldo Peronti, finalizando a fase dos R$ 30 milhões o município vai contabilizar 3.200 quarteirões recuperados. “Sem dúvida a maior recuperação de vias realizada já realizada em São Carlos”.

Mariel Olmo, secretário de Serviços Públicos, pasta que também acompanha o serviço de recape e de tapa-buraco, disse que novas licitações foram abertas. “Além dos R$ 30 milhões acabamos de licitar mais R$ 2,3 milhões para atender o Jardim Maracanã, Astolpho Luiz do Prado, Timburis e Jardim Alvorada. Em 4 anos vamos totalizar quase R$ 80 milhões em recape somando recursos próprios, emendas parlamentares, fundo perdido e convênios com instituições financeiras”, finaliza Olmo.

A Prefeitura, por meio da Secretaria de Serviços Públicos, também está trabalhando com as equipes de limpeza nos bairros que estão recebendo o serviço de recapeamento.

SÃO CARLOS / PREFEITURA REALIZA OPERAÇÃO ESPECIAL NA REGIÃO DA RODOVIÁRIA

A Prefeitura de São Carlos, por meio das secretarias de Segurança Pública, de Cidadania e Assistência Social e de Serviços Públicos, realizou uma operação especial na manhã desta segunda-feira (17/08), na região do Terminal Rodoviário.  A Secretaria de Serviços Públicos, com instalação de gradil, cercou uma área pública na avenida Trabalhador São-Carlense, entre as ruas São Joaquim e Alexandrina.  A operação foi realizada na tentativa de garantir espaços que não propiciem aglomeração como medida de prevenção a disseminação da COVID-19. Praças próximas à rodoviária também estavam no cronograma de ação, pois esses espaços têm sido utilizados pela população em situação de rua.

“Foi mais uma ação para fazer com que essas pessoas conheçam os serviços que o município oferece, como a Casa de Passagem e o Centro POP que atende somente a população em situação de rua”, explica Samir Gardini, secretário de Segurança Pública.

A Secretaria de Cidadania faz a abordagem social, que busca sensibilizar as pessoas em situação de rua a ir para os serviços de acolhimento de forma a garantir seus direitos e acesso aos cuidados pessoais, bem como acesso ao trabalho socioeducativo frente a essa situação. “Há duas semanas as pessoas que permanecem nessa região tem sido orientadas pela nossa equipe sobre a ação na região”, diz Glaziela Solfa Marques, secretária de Cidadania e Assistência.

“Algumas pessoas chegavam à rodoviária, vindas de outras cidades e já se juntavam a esses moradores que já estavam no canteiro, aumentando diariamente o número de gente e causando aglomeração”, disse Gardini.

Ainda de acordo com a secretaria de Cidadania e Assistência Social, Glaziela Solfa Marques, várias ações vem sendo desenvolvidas para ampliação dos atendimentos, mas realmente algumas pessoas não aceitam ir para os serviços de acolhimento. “A Prefeitura reformou a Casa de Passagem que em virtude da pandemia está acolhendo pessoas em situação de rua agora em tempo integral para garantir a quarentena”. Também foi organizado um novo espaço de acolhimento emergencial, sobre a responsabilidade da Divina Misericórdia, além de serem disponibilizados os serviços oferecidos pelo Centro POP. Também ocorre um trabalho articulado junto ao Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS-AD) e do Consultório na Rua, que está fazendo a testagem para diagnóstico do novo coronavírus dessa população.

Além das ações concentradas de testagem para a COVID-19, quando são identificadas pessoas com sintomas, são seguidos os protocolos da Vigilância Epidemiológica, para acompanhamento clínico e isolamento.

O Centro POP fica na rua São Joaquim, 818, no Centro. A Casa de Passagem localiza-se na rua Rotary Clube, 101, na Vila Marina.

SÃO CARLOS / RECAPEAMENTO AVANÇA E ATENDE MAIS TRÊS BAIRROS SIMULTANEAMENTE

O serviço de recapeamento segue por várias regiões da cidade dentro da etapa dos R$ 30 milhões liberados pelo Banco do Brasil para a Prefeitura de São Carlos. No total serão recapeados 27 bairros e 1.500 quarteirões nesta fase.

Na região central a equipe iniciou o recapeamento pela avenida Carlos Botelho, seguindo para a XV de Novembro, rua Jesuíno de Arruda, Padre Teixeira e Treze de Maio. Também já atendeu o Jardim Cardinalli, Portal do Sol, Ipanema, Santa Mônica, Vila Pureza e fez trecho que faltava na Miguel Petroni (sentido rodovia/centro) e trecho da avenida Trabalhador São-carlense. Uma equipe também fez alguns trechos do Santa Felícia, porém para terminar o serviço nesse bairro será necessário aguardar que o SAAE finalize os trabalhos nessa região.

Pelo cronograma estabelecido pela Secretaria de Obras Públicas e de Serviços Públicos, após essa etapa as equipes seguem para o Jardim Itamaraty na próxima semana. Até o momento já foram feitos mais de 270 mil metros quadrados de recapeamento nesta etapa.

De acordo com o secretário de Obras Públicas, Reginaldo Peronti, pasta que coordena os trabalhos e que fiscaliza a qualidade do serviço prestado pelas empresas vencedoras dos processos licitatórios, ainda serão atendidos os seguintes bairros: Jardim Medeiros, Jardim Beatriz, Vila Carmem, Boas Vista (1 e 2), Recreio dos Bandeirantes, Jardim Bandeirantes, Jardim Brasil, Vila Monteiro, Jardim Ricetti, Bicão, Vila Nery, Jardim Tortorelli (duas últimas ruas), Vila Marina, Jacobucci, Vila São José, Munique, Maria Stella Fagá e trechos da avenida Trabalhador São-carlense, próximo à USP e terminal rodoviário.

“Nos reunimos com o SAAE e a equipe da autarquia sempre vai passar antes para verificar a situação das vias e se necessário já faz a parte deles. Também estamos trabalhando com as equipes de limpeza nesses locais e de poda de árvores nas áreas públicas”, explica Mariel Olmo, secretário municipal de Serviços Públicos.

Na etapa anterior quando foram investidos R$ 20 milhões com recursos da Caixa Econômica Federal, foram recapeados 956 quarteirões, outros 745 foram recuperados com recursos próprios, totalizando 1.701 quarteirões recuperados. Já nesta etapa dos R$ 30 milhões a previsão é recapear mais 1.500 quarteirões, totalizando 3.200 quarteirões. Recentemente também foi investido R$ 1,8 milhão com recursos próprios no recapeamento do bairro Presidente Collor.

O prefeito faz questão de acompanhar o serviço em todas as regiões da cidade. No início dessa semana esteve na rua Jesuíno de Arruda e nos bairros São Carlos III e Ipanema. “O serviço de recape não vai parar até o final da minha administração. Além desses R$ 30 milhões temos outros recapes que vamos tentar fazer com recursos próprios. A nossa intenção é recapear 90% das ruas da cidade até dezembro”, afirmou o prefeito Airton Garcia.